A Associação Irmão Sol desenvolve suas ações, embasada na garantia dos direitos das crianças e adolescentes, conforme estabelece o Estatuto da Infância e Juventude, e as orientações técnicas para o Serviço de Acolhimento para Crianças e Adolescentes, ( aprovado pelo Conselho Nacional de Assistência Social- CNAS e Conselho Nacional dos direitos da criança e do adolescente- CONANDA).

Após, o afastamento de suas famílias, por motivo de violação de direitos, as crianças e adolescentes chegam a Associação Irmão Sol. Cabe destacar, que posteriormente ao acolhimento, a prioridade é a manutenção dos vínculos familiares, que só é rompido, por decisão da própria família, ou determinação judicial.

A Associação Irmão Sol possui em cada uma de suas Unidades uma equipe técnica, composta por um assistente social e um psicólogo. Esses profissionais realizam intervenções com os familiares, com o intuito de fortalecê-los para que possam novamente assumir a guarda da criança ou  do adolescente. São realizados atendimentos individuais, atendimentos familiares, visitas domiciliares, trabalhos em grupos e reuniões com os órgãos que atendem a família.

Quando os pais, não demonstram condições de garantir a proteção da criança ou adolescente, é avaliada a possibilidade de integração na família extensa (tios, avós). Apenas, quando esgotada todas essas possibilidades de permanência com a família de origem, que é sugerido a inserção em família substituta, com fins de adoção.

 

1 Comentário

  1. gostaria de visitar a casa dos pequenos ,

    Susan

Deixe seu Comentário